Ronco e Apneia

ronco-e-apneia

Ronco e Apneia são patologias que afetam as vias aéreas superiores e a função cardiorrespiratória do indivíduo.

É definida como a repetida pausa da respiração durante o sono, com persistência do esforço respiratório, caracterizada pela obstrução ou colapso ao nível das vias aéreas superiores. Relatada como uma desordem do sono, esta patologia não se manifesta durante a vigília.

A apneia obstrutiva tem diferentes níveis de gravidade, podendo apresentar-se desde uma forma discreta, progredindo em escala crescente até níveis severos, que colocam em risco a vida do paciente. Desta forma, caracteriza uma patologia que envolve a morbidade e a mortalidade.

Causas Prováveis:

– Estreitamento das vias aéreas superiores;
– Hipertrofia de amígdalas e adenoides;
– Excesso de tecido faríngeo;
– Retrognatia (mandíbula curta);
– Macroglossia (língua grande);
– Obstrução nasal;
– Palato baixo e úvula alongada;
– Ingestão de álcool e tranquilizantes;
– Obesidade;
– Doença neuromuscular;

Sinais e Sintomas:

– Ronco;
– Interrupção da respiração de forma intermitente durante o sono;
– Agitação ao dormir;
– Sensação de sufocamento ao despertar;
– Sonolência diurna excessiva;
– Impotência sexual;
– Dores de cabeça matutina;
– Irritabilidade;
– Aumento da gordura visceral com ganho de peso;
– Alterações hemodinâmicas (ex: hipertensão arterial, aumento do colesterol);
– Resistência a insulina (desenvolvendo Diabetes);

Exames para o Diagnóstico:

Fibro-naso-faringo-laringoscopia flexível
Avalia as condições anatômicas da rinofaringe, orofaringe e hipofaringe, identificando prováveis obstruções nasais, colapsos de palato e de paredes laterais da faringe e diminuição do espaço retro-lingual. Este exame é imprescindível para a determinação da região a ser tratada.

Sonoendoscopia
É o mesmo exame citado anteriormente feito sob sedação para identificar raríssimos casos de colapso de laringe (epiglote).

Cefalometria
Exame radiológico auxiliar que analisa as estruturas esqueléticas da face, correlacionando com as partes moles, medindo as dimensões e espaços entre tecidos.

Polissonografia
O exame consiste em monitorar uma noite de sono, determinando a severidade da SAHOS (leve, moderada ou severa) que é o fator principal na seleção e decisão do tratamento.

Agora possuímos a Polissonagrafia Domiciliar que realiza o monitoramento sem que você precise dormir fora de casa e sem fios enrolando pelo seu corpo com o auxílio do Watch Pat.

Tratamento

Cirurgias
– Faringoplastia lateral (nova técnica que inverte a função dos músculos constritores da faringe);
– Uvulopalatofaringoplastia;
– Cirurgia Ortognática (avanços maxilomandibulares);

CPAP (Continuous Positive Airway Pressure)
É um aparelho que gera uma pressão positiva em alto fluxo e através de uma máscara de silicone colocada sobre o nariz, transmite o ar para a faringe evitando-se a apneia.

Aparelhos intra-orais odontológicos
Indicado para casos de colapso retrolingual.

É importante ressaltar que estes tratamentos, algumas vezes, podem ser combinados entre si e sempre associados à prática de atividades físicas, mudanças de hábitos alimentares e higiene do sono.